Conceitos de Hardware e Software – parte 03

Saiba tudo sobre hardware e software e arrebente em provas e concursos públicos.

logo de inscrição que se refere aos temas: Hardware e Software, Hardware e Software para concursos, concursos publicos abertos, cursos online gratis,

Clique AQUI e baixe GRÁTIS um livro completo sobre o tema para você complementar os seus estudos.

Nesta aula, vamos continuar avançando dentro do tema hardware e software.  Agora, vamos entender o funcionamento e as características básicas de alguns microprocessadores. Os nomes aqui relatados relacionados a marcas de empresas têm totais direitos reservados, sendo aqui mencionados somente para efeito de consulta e auxílio no uso diário das tecnologias.

 Modelos de processadores e informações básicas

Muitas pessoas não sabem de quem é a função de acelerar, endereçar e resolver dados dos computadores, notebooks, netbooks, tablets, ultrabooks e até smartphones. A estrela dessas máquinas é o processador.

Este importante componente do computador é responsável por receber e responder a um volume de dados, que estão codificados no padrão binário zero e um. Então, ele processa a informação baseando-se nas instruções que possui em sua memória interna.

Para facilitar e acelerar o acesso aos dados que são requisitados com mais frequência, eles ficam registrados no processador, em uma área denominada cachê, evitando ter de fazer uma varredura no disco ou na memória RAM.

As instruções que explicam ao processador o que ele deve fazer com os dados armazenados ficam guardadas no registrador, a memória da peça. Estas regras orientam a ULA, circuito que realiza os cálculos exigidos pelos programas e dá sentido às informações recebidas.

O processador só sabe os locais certos onde deve procurar os dados graças ao MMU, Memory Management Unit (Unidade de Gerenciamento de Memória), que transforma as instruções virtuais em endereços físicos.

Os processadores se diferenciam pela quantidade de Hertz que possuem. Por exemplo, o componente com 2.0 GHz consegue realizar dois bilhões de ciclos por segundo. O número de ciclos e o fluxo de troca de informações ditam a velocidade do processador e são medidos pelo circuito clock.

Outra maneira de distinguir os CPUs, como também são chamados os processadores, é pela quantidade de núcleos. Eles podem ter dois (dual core), quatro (quad core) ou mais (multi core) núcleos. Quanto maior o número, melhor o desempenho do dispositivo, que pode executar dois ou mais processos ao mesmo tempo ou fazer com que um núcleo trabalhe em uma velocidade menor que o outro, para reduzir a emissão de calor.

Existem modelos de processadores quad core que contam com uma tecnologia que possibilita que, quando dois núcleos estiverem ociosos, a frequência dos outros dois seja aumentada para acelerar a execução do processo.

Algumas características do processador em geral:

  • Frequência de Processador (Velocidade, clock). Medido em hertz, define a capacidade do processador em processar informações ao mesmo tempo;
  • Cores: O core é o núcleo do processador. Existem processadorescore e multicore, ou seja, processadores com um núcleo e com vários núcleos na mesma peça;
  • Cache: A memória cache é um tipo de memória auxiliar, que faz diminuir o tempo de transmissão de informações entre o processador e outros componentes;
  • Potência: Medida em Watts é a quantia de energia que é consumida por segundo. 1W = 1 J/s (Joule por segundo).

 ALGUNS TIPOS DE PROCESSADORES

 Celeron

O Celeron é a marca usada pela Intel em diferentes microprocessadores x86 de baixo custo.
A família Celeron complementa a linha de alta performance da empresa (atualmente a Core 2 Duo, anteriormente a linha Pentium). Introduzido em 1998, o primeiro Celeron era baseado no Pentium II, porém sem cache externo. Versões posteriores eram baseados no Pentium III, Pentium 4, Pentium M, Core Solo, Core Duo e Core 2. Esses processadores rodam muitos aplicativos de forma satisfatória, porém apresentam algumas limitações de performance quando rodam aplicativos mais pesados e exigentes (como jogos e demais aplicativos 3D) e diferem basicamente em três aspectos dos seus “irmãos maiores”:

* Tamanho do cache L2logo de inscrição que se refere aos temas: Hardware e Software, Hardware e Software para concursos, concursos publicos abertos, cursos online gratis,

* Clock interno
* Clock do barramento externo

Essas diferenças fazem com que esses processadores sejam mais baratos que os outros processadores de maior poder de processamento, sendo assim, indicado para o mercado de usuários domésticos ou para usuários que não necessitem de um poder computacional muito elevado.

Pentium Dual-Core

O Pentium Dual-Core é um processador de núcleo duplo produzido pela Intel. Tem versões para computadores de mesa (baseados no núcleo “Conroe” e “Wolfdale”) e para portáteis (com o núcleo “Merom”).

Athlon 64 X2

Um processador Athlon 64 X2 possui dois núcleos e por isso pode realizar duas tarefas simultâneas, otimizando o desempenho em certas tarefas e diminuição do período de execução.

logo de inscrição que se refere aos temas: Hardware e Software, Hardware e Software para concursos, concursos publicos abertos, cursos online gratis,

Clique AQUI e baixe GRÁTIS um livro completo sobre o tema para você complementar os seus estudos.

Clique AQUI e continue assistindo à aula 04/07 do nosso minicurso de informática.

ou Clique AQUI e retorne a primeira aula.

 

Matérias relacionadas:

1) Dicas de como resolver provas de concursos públicos;

2) Ritalina e outras drogas da inteligência;

3) Como aprende o Cérebro;

4) Como organizar o tempo e estudar melhor para provas e concursos;

5) Nome sujo pode impedir a posse do servidor público;

6) Aprenda a ler e entender um edital de concurso;

logo de inscrição que se refere aos temas: Hardware e Software, Hardware e Software para concursos, concursos publicos abertos, cursos online gratis,

 

 

 

 

 

 

No votes yet.
Please wait...